[ editar artigo]

Por que participar de grupos de engajamento no Instagram pode ser uma roubada

Por que participar de grupos de engajamento no Instagram pode ser uma roubada

Você já se perguntou se participar de grupos de engajamento no Instagram vale a pena?

Criar conteúdo para internet pode parecer tarefa fácil, mas eu e você sabemos que, na verdade, pra dar certo, tem que trabalhar muito! Para quem está começando, os desafios talvez sejam ainda maiores. É preciso persistência, organização, estudo e muita paciência.

O Instagram já é, há algum tempo, a rede social queridinha de creators e influencers. Você cria o seu perfil e começa a gerar conteúdo, mas os seguidores não aparecem, ou aparecem pingados, um aqui, outro ali... Bate aquele desespero: como vou fazer para ganhar seguidores e divulgar meu trabalho?

Alguém se identificou com a situação acima? Eis que durante esse momento de desespero surge o convite para participar de um grupo de engajamento do Instagram: pessoas que se reúnem para trocar interação entre suas publicações. Parece a salvação dos céus para dar aquele empurrãozinho no seu perfil, mas será mesmo?

O universo das redes sociais funciona em ritmo acelerado e os algoritmos sofrem mudanças e alterações periódicas. O Instagram vem ganhando bastante destaque com a ampliação da atividade virtual e hoje seu algoritmo está priorizando o alcance pago, enquanto o crescimento orgânico está cada vez mais difícil, mas não impossível.

Existem algumas dicas boas que ainda funcionam para trabalhar o alcance orgânico, porém, os grupos de engajamento, embora pareçam ser uma delas, podem ser mais uma cilada do que qualquer outra coisa.

Abaixo explicaremos o que são grupos de engajamento no Instagram, como eles funcionam, porque eles não são uma boa ideia e te dar dicas do que fazer para melhorar seu engajamento.

 

O que são os grupos de engajamento no Instagram?

São grupos que reúnem criadores de conteúdo com o objetivo de melhorar o engajamento e conquistar seguidores.

Esses grupos funcionam tanto no próprio Instagram quanto no WhatsApp, ou no Telegram. Existem grupos pequenos, de trinta pessoas, e também grupos enormes, normalmente só possíveis no Telegram, que chegam a somar três mil participantes.

Eles funcionam com base na teoria de que o algoritmo do Instagram distribui o seu conteúdo para mais pessoas, ou seja, cresce o alcance da sua publicação, se o post receber um volume considerável de curtidas, comentários e salvamentos durante a primeira meia hora no ar.

A intenção é ajudar a impulsionar quem não quer ou não tem como investir em anúncios pagos, mas o tiro pode sair pela culatra...

 

Como os grupos de engajamento funcionam?

As regras de cada grupo variam, mas, de forma geral, é preciso que os participantes se envolvam com os conteúdos gerados por todos os integrantes dessa pequena comunidade, logo que são publicados.

É simples: você publica uma foto, compartilha o link no grupo e os outros participantes precisam curtir, comentar e/ou salvar, e às vezes até compartilhar.

Alguns grupos colocam outras regras relacionadas ao uso de hashtags, por exemplo, horários para interação e frequência de interação por semana.

Parece ótimo, não? Trinta ou mais comentários, curtidas, salvamentos, mas será que é tão maravilhoso assim ter dezenas/centenas de curtidas e comentários de pessoas que não têm qualquer interesse no seu conteúdo e, muitas vezes, não prestaram qualquer atenção às suas publicações?

 

Por que você deve parar de participar de grupos de engajamento agora mesmo

grupos de engajamento no instagram

O grande problema dos grupos de engajamento é que essas pessoas que estão interagindo com a sua publicação não estão fazendo isso porque curtem o seu conteúdo de verdade, mas por um acordo, pelo interesse de crescer o próprio perfil.

Com as interações forjadas pode ser que sua taxa de engajamento aumente, mas ao mesmo tempo vai atrapalhar sua análise de dados para melhoria de performance. Como você vai conseguir identificar o tipo de conteúdo que mais agrada sua audiência? Como vai entender como sua audiência se comporta de acordo com cada estratégia implementada?

Um sucesso que é apenas aparente, que não tem, necessariamente, um produto de qualidade por trás, não dura!

Não vai demorar muito para que os parceiros, marcas e pessoas interessadas em trabalhar com você ou consumir os seus produtos/serviços percebam que o seu perfil não está convertendo em vendas ou gerando qualquer tipo de lucro. Ou seja, a obsessão por ter muitos seguidores, curtidas e comentários, a qualquer custo, pode custar também a sua credibilidade no mercado.

 

O que você pode fazer para melhorar sua performance no Instagram?

O tempo perdido com os grupos de engajamento, pode ser bem melhor aproveitado quando as energias são direcionadas à construção de uma comunidade de verdade. Um público que admire e confie no seu trabalho de forma a seguir suas indicações e ter vontade de adquirir os produtos e serviços que você está oferecendo ou divulgando.

O Instagram é uma rede social! Uma plataforma de interação, com o objetivo de conectar pessoas. Então uma das coisas mais importantes para melhorar o seu alcance orgânico é usá-la, e não apenas para postar o seu conteúdo e sair correndo.

É muito importante a interação com as pessoas que seguem você, portanto: curta publicações que ache interessante, comente nas fotos dos seus seguidores, responda mensagens e use todos os meios e ferramentas de comunicação que o Instagram oferece.

Essa mesma interação também é importante com outros criadores e influenciadores digitais do seu nicho, que possuem públicos semelhantes ao seu. Comente, curta, valorize também o trabalho de pessoas da sua área, porque além de mostrar ao Instagram que você está ativo na plataforma, é uma ótima forma de aprendizado. Observar outros perfis, é uma boa maneira de analisar o que está e o que não está funcionando para outras pessoas, de ter ideias e inspirações (se inspirar não é copiar, ein!) para aplicar ao seu próprio trabalho.

Você não conhece o ditado popular que diz “quando a esmola é demais, o santo desconfia”? Então, quando aparecem formas rápidas de ganhar seguidores, curtidas e comentários no Instagram, desconfie.

Se o seu objetivo é desenvolver um conteúdo de qualidade e conquistar um público que realmente admire e confie no seu trabalho, lembre-se que o caminho não é fácil e o sucesso, salvo algumas exceções, nem sempre surge de uma hora para outra. Por isso é tão importante a paciência e a persistência lá do começo deste artigo. Não desista!

 

Você já teve alguma experiência positiva ou negativa com grupos de engajamento? Conta pra gente ;)

 


 

Leia também:

7 dicas (além do óbvio) para você crescer como criador de conteúdo digital

Autenticação de dois fatores do Instagram: Por que você deve ativá-la agora!

Viva de Conteúdo
Elaine Villatoro
Elaine Villatoro Seguir

Apaixonada pelas experiências de vida que as viagens proporcionam, Elaine Villatoro é fundadora do blog Live More, Travel More que nasceu em 2014 e desde 2019 é uma empresa de negócios digitais.

Ler conteúdo completo
Indicados para você